Prouni 2018 Guia do Participante Completo

Atualizado em: 17 agosto 2018

by Prouni 2018 on 17/05/2018

O Programa Universidade para Todos – Prouni é uma iniciativa do Governo Federal gerenciado pelo Ministério da Educação – MEC criado com o objetivo de conceder bolsas de estudos integrais ou parciais para cursos de graduação de nível superior ofertados por instituições particulares de ensino.

O público alvo do Programa são estudantes que concluíram o ensino médio em escolas da rede pública, mas contempla também os ex alunos de escolas particulares desde que tenham estudado como bolsistas integrais dos referidos educandários. Outros que podem se beneficiar das bolsas de estudos do Prouni são os professores de escolas públicas no exercício efetivo de suas funções que pretendam utilizar as bolsas de estudos para cursos voltados para a área de licenciatura.

As instituições privadas de ensino superior que aderem ao Prouni recebem em contrapartida o direito de não pagar algumas taxas de impostos.

BOLSAS DE ESTUDOS OFERECIDAS PELO PROUNI

Estudantes que participam do processo seletivo do Prouni concorrem a dois tipos de bolsas de estudos, a bolsa de estudos integral que custeia 100% do valor das mensalidades do curso de graduação, e a bolsa de estudos parcial, que neste caso custeia apenas a metade do valor pago pelo estudante referente a mensalidade de seu curso de graduação.

As bolsas de estudos integrais do Prouni são para estudantes que possuem uma renda familiar per capita de no máximo um salário mínimo e meio por integrante da família. Já as bolsas de estudos parciais são para aqueles estudantes que possuam renda familiar acima de um salário mínimo e meio que seja no máximo de três salários mínimos. As bolsas de estudo do Prouni são válidas pelo tempo que durar o curso do estudante.

QUAIS OS CRITÉRIOS PARA CONCORRER A UMA BOLSA DE ESTUDOS DO PROUNI

Prouni 2018 Inscrições e Bolsa Remanescentes

Para concorrer a uma bolsa de estudos do Prouni, o estudante terá que obrigatoriamente no ano anterior ter participado da última edição do Exame Nacional do Ensino Médio – Enem. Além disso a média nas provas de conhecimentos do Enem tem que ser de no mínimo 450 pontos, e na prova de Redação do Exame ser superior a zero.

Tendo participado da última edição do Enem, o estudante que deseja uma bolsa de estudos do Prouni terá que atender a pelo menos um dos seguintes requisitos:

  • ter estudado em escola pública,
  • ter estudado em escola particular porém na condição de bolsista integral,
  • ser professor efetivo da rede pública que queira graduar na sua área de atuação,
  • ter renda familiar de um a três salários mínimos,
  • ser comprovadamente portador de algum tipo de deficiência física.

No caso dos professores da rede pública, o critério renda familiar não é observado para os que desejam concorrer a uma bolsa do Prouni.

PERFIL SOCIOECONÔMICO PARA CONCORRER A UMA BOLSA DE ESTUDOS DO PROUNI

Inscrições ProUni 2018 começam em Janeiro

As bolsas de estudos oferecidas nos processos seletivos do Prouni são para estudantes comprovadamente oriundos de famílias carentes. Então apenas poderão participar do processo seletivo os estudantes cuja a renda familiar per capita, que é a soma total de quanto ganha cada membro economicamente ativo dividido pelo número total de familiares que moram em uma mesma residência esteja no patamar estipulado no Edital do Programa.

Para estar apto a concorrer a uma bolsa de estudos do Prouni a renda familiar do estudante deve ser de no mínimo um salário e meio podendo chegar ao patamar máximo de três salários mínimos por membro familiar.

COMO PARTICIPAR DO PROCESSO SELETIVO DAS BOLSAS DE ESTUDOS DO PROUNI

As inscrições para o processo seletivo do Prouni são abertas em dois períodos do ano, um no primeiro semestre e outro no segundo semestre. Apenas pela internet os estudantes podem se inscrever para participar do Prouni, tendo que acessar o endereço eletrônico http://prouniportal.mec.gov.br.

No portal do Prouni o estudante terá que informar o número do seu Cadastro de Pessoa Física (CPF) e o número de inscrição da última participação no Enem acompanhado da senha pessoal cadastrada para o Exame. Automaticamente o sistema informatizado do Prouni irá apresentar os demais dados pessoais do estudante e qual a nota obtida nas provas do Enem.

Será necessário então o preenchimento de um questionário com perguntas referentes ao estudante e sua condição socioeconômica. Após responder a este questionário, o estudante terá que informar em ordem de preferência duas opções de curso. Caso já esteja matriculado no curso, deve informar em qual instituição de ensino superior estuda.

Durante o período de inscrições, as opções de curso podem ser alteradas de maneira a adequar a nota de corte exigida para conseguir a bolsa de estudos do Prouni. Sempre será validada a última opção realizada pelo estudante.

ESCOLHA DA MODALIDADE DE CONCORRÊNCIA DAS BOLSAS PROUNI

Quando realizar sua inscrição para o processo seletivo das bolsas de estudos do Prouni, o estudante terá que optar por qual modalidade deseja concorrer. O estudante pode optar em concorrer a bolsas de estudos para a modalidade de ampla concorrência, ou às destinadas ao sistema de cotas.

As bolsas de estudos do Prouni reservadas para o sistema de cotas são exclusivas para estudantes autodeclarados pretos, pardos e indígenas. O número de bolsas de estudos reservado para atender a Lei de Cotas é calculado de acordo ao número de pardos, negros e indígenas registrados pelo IBGE – Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística no último censo realizado no país.

PROCESSO SELETIVO DAS BOLSAS DE ESTUDOS DO PROUNI

Ao final do período de inscrições do Prouni, de maneira totalmente informatizada e impessoal o sistema irá selecionar em duas chamadas os estudantes que apresentarem as melhores notas de acordo com cada modalidade de curso.

Na primeira chamada os estudantes são classificados de acordo com a sua primeira opção de curso. Quem conseguir na primeira chamada a bolsa de estudos do Prouni referente a sua primeira opção de curso, não participará da segunda chamada.

Caso o estudante não seja selecionado em nenhuma das chamadas regulares, ou seja selecionado para a sua segunda opção de curso, poderá optar em participar da Lista de Espera do Prouni, onde ficam disponíveis as vagas não preenchidas de bolsas de estudos. Mas vale lembrar que na lista de espera o estudante concorre apenas com a sua primeira opção.

DIVULGAÇÃO DO RESULTADO E MATRÍCULA DOS ESTUDANTES CONTEMPLADOS NO PROUNI

O resultado oficial com a lista dos participantes contemplados com uma bolsa de estudos do Prouni poderá ser consultado na data estipulada no seu cronograma. Para realizar a consulta o estudante deve acessar o mesmo endereço eletrônico em que realizou a inscrição. O resultado pode ser consultado também na instituição de ensino superior, através do telefone 0800-616161 disponibilizado pelo MEC.

O mais novo meio de consultar o resultado do Prouni é através do aplicativo do programa, disponível para os sistemas Android e IOS.

Para efetivar a matrícula é necessário que os estudantes contemplados com a bolsa de estudos do Prouni compareçam na instituição de ensino superior levando documentos de identificação pessoal, comprovantes de residência e de renda. Vale lembrar que algumas instituições de ensino exigem documentos complementares para a comprovação de renda, residência, escolaridade e também de cotas.

O não comparecimento para efetivar a matrícula implica na perda da bolsa estudos do Prouni.

PROUNI E FIES

Apesar de ambos serem programas do Governo Federal, Prouni e Fies apresentam propostas bem diferentes. Um concede bolsas de estudos e o outro financiamento para que estudantes paguem o valor das mensalidades de cursos de graduação de nível superior. No entanto, ambos os programas podem ser usados em conjunto.

O estudante que conseguir uma bolsa de estudos parcial do Prouni poderá solicitar o financiamento estudantil do FIES desde que:

  • ambos os benefícios sejam utilizados para o mesmo curso e na mesma instituição de ensino superior,
  • o valor financiado junto ao FIES somado ao valor custeado pela bolsa do Prouni não ultrapasse o valor da mensalidade,
  • A instituição de ensino superior seja cadastrada no FIES,
  • realizar inscrição e ser selecionado no processo seletivo dos financiamentos do FIES.

Se quiser saber mais a respeito dos processos seletivos do Prouni, visite também também o Guia do Aluno. Curta e compartilhe.

[Total: 2    Média: 1.5/5]

Comments

comments

Leave a Comment

Notícia anterior:

Próxima notícia: